Quantas pessoas já viram o blog?

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Halloween.

Espero que tenham um dia cheio de horrores ^^.

Feliz Halloween...vou postar algumas imagens...






E um pequeno trailer do filme "The Grudge" mas em Naruto Style...que é de terror...espero que gostem!


domingo, 30 de outubro de 2011

Fanfiction- Capitulo 9

Fui ter com a Sakura, a Hinata e a Ino para termos um dia só para nós. Só para raparigas. Esperamos em frente à florista da Ino para que a Tenten e a Temari que estavam na cidade chegassem. A Tenten chegou com o Neji de mão dada…à quanto tempo é que aquilo durava? Eu fiquei com a mesma que as outras…de boca aberta e de olhos arregalados quando os vi chegar. Pouco tempo depois, assim como a Tenten…a Temari também vinha acompanhada e pela última pessoa que eu esperava ver acordada tão e muito menos acompanhado de uma mulher. O Shikamaru…vinha acompanha-la e sabia-se lá o que eles tinham os dois. Ele virou costas e foi-se embora acenando no ar.
-Então Te-ma-ri! Ele? Asério?
(Temari)- Não comecem…tem a ver com o exame chuunin. Temos umas coisas a resolver e por acaso ele encontrou-se comigo e estávamos a falar sobre o exame. Nada mais.
-Ok ok.
(Sakura)- ok chega de paleio e vamos lá. Tenho montes de coisas para comprar.
Ela tirou uma pequena folha do bolso de trás com uma lista de compras escritas. Fomos até ao supermercado. Os corredores enormes cheios de comida davam-me um apetite. Eu ainda não tinha tomado o pequeno-almoço. Sai a correr de casa porque já estava atrasada e não comi nada.
-Depois das compras podíamos ir comer alguma coisa. Eu ainda não tomei o pequeno-almoço.
(Temari)- Pois…vendo bem eu também não.
(Sakura)- Então vocês as duas vaiam andando até ao café e peçam para nós que depois vamos lá ter.
(Tenten)- Eu vou com vocês também.
Saímos as três do supermercado e fomos para o café mais próximo. Sentamo-nos numa mesa de quatro e juntamos outra à nossa para quando elas viessem já terem sitio para se sentarem.
-Eu vou ao balcão pedir.
Fui até ao balcão e pedi o que queria mais o que as outras também queriam. A empregada foi buscar um tabuleiro e pôs tudo o que eu tinha pedido dentro dele e foi leva-lo à mesa. Eu segui-a e quando me virei para a mesa o Kiba estava lá sentado a acenar-me. Cheguei-me ao pé dele e agarrei-o pelo braço e fui mais ele lá fora para falar com ele. Sai do café e quando cheguei cá fora larguei-o. O Akamaru que tinha ficado na parte de fora sentou-se ao meu lado a olhar para mim.
-O que estás aqui a fazer?
(Kiba)- Nada! Apenas vinha comprar alguma coisa par ao meu pequeno-almoço e depois vi-te. Pensei em que podíamos estar hoje juntos já que amanhã tenho de ir em missão.
-Mas eu já combinei em estar com elas hoje. Desculpa.
Ele passou a mão pelo cabelo e depois pousou as mãos nos meus ombros.
(Kiba)-Deixa estar. Fica para outra altura.
Quando ele acabou de falar oiço alguém a chamar-me. Melhor, a gritar pelo meu nome. Espreitei por cima do ombro do Kiba e vi o Naruto a correr na minha direcção. Agarrei nas mãos do Kiba e tirei-as de cima dos meus ombros para ir poder falar com o Naruto mas não as larguei. Apenas as movi para baixo.
-Naruto? O que se passa?
(Naruto)- A Tsunade tem uma missão para ti e para a equipa do teu irmão. Ela quer que tu e a Hinata mais o Kiba vaiam ao escritório dela.
(Kiba)- Hoje? Uma missão? Até me admirava!
-Vamos mas é. Temos de ir ter primeiro com a Hinata.
Fomos ao supermercado e elas estavam a pagar.
(Kiba)- Hinata! Temos uma missão. Temos de ir.
-Sakura eu também tenho de ir. É uma missão com eles. Desculpa lá o nosso dia.
(Sakura)- Não é por ires embora que fica estragado!
Ok aquilo ficou um bocado mal! Mais valia ter ficado calada.
-Ahah…pois. Olha o vosso comer está com a Tenten e com a Temari.
(Ino)-Não se preocupem. Vão lá mas é.
Corremos até ao escritório da Tsunade. Batemos à porta e entramos. Ela estava sentada na cadeira a mexer nos papeis.
(Hinata)- Tsunade-sama…ouvimos dizer que tem uma missão para nós.
O Daichi que estava encostado ao lado da porta deu um passo à frente e ficou ao nosso lado. Eu só dei pela presença dele quando ele ficou ao nosso lado.
(Hokage)- Sim. Quero que vaiam até à vila da chuva e me tragam informações do Sasuke. Parece que ele passou por lá com a mesma equipa que tinha quando vocês o encontraram.
-Porquê? Porquê é que nós estamos sempre de volta dele! Ele já saiu da vila há três anos! Ele já não quer saber de nós! Ele está-se pouco ralando para a vila e para nós! Ele já nem sequer se lembra o porquê de ter ficado tanto tempo aqui! Ele quer é vigança e nós estamos sempre atrás dele como se fossemos cachorrinhos atrás do dono! Eu sei que estou aqui à pouco tempo para ocupar o lugar na equipa do Kakashi. Mas é o que eu acho. Ele já desistiu de nós. Nós também devíamos desistir dele! Se não o fizermos vamos acabar por morrer! Ele é forte demais para todos nós! Nem o Naruto conseguiu faze-lo mudar de ideias. Eu estou farta das tretas dele!
Eu dei um passo em frente mas o Kiba agarrou-me no pulso e puxou-me para trás em sinal de me calar. Eu calei-me e fiquei a olhar para o chão revoltada com aquela situação tola! Não passava disso. Uma tolice! Fechei as mãos em punho para não me descontrolar e mordi o lábio inferior para controlar a raiva que havia dentro de mim.
(Hokage)- É isto que quero que façam.
Eu sacudi a mão do Kiba e sai dali para fora. Esperei por eles na parte de fora.
(Daichi)- Passas-te ou quê? Querias morrer ali?
-Cala-te! Sabes bem que tenho razão! Todos o sabem! Apenas falei o que penso! Estou farta de seguir aquele idiota chapado! O Kiba e o Shikamaru e o resto do pessoal quase morreu quando tentaram traze-lo de volta quando ele fugiu com os do som! E mesmo assim eles sempre o seguiram! Porquê? Ele é assim tão especial? Foi ele que tomou a decisão de ir embora! Ninguém o obrigou! Se ele quisesse voltar ele já tinha voltado! Não percebem?
O Daichi levantou a mão e deu-me uma chapada na cara. Eu fiquei fula e dei-lhe um murro que o fez cair para o lado.
(Hinta)- Kaori tem calma. Anda vamos embora antes que se passem um como outro.
Ela agarrou-me por trás pelos ombros e guiou-me até ao banco mais próximo. Eu sentei-me ela afastou-se para ir ajudar o Daichi pedindo ao Kiba que fosse ter comigo. Ele sentou-se ao meu lado sem dizer nada. Eu levantei-me e comecei a andar para a saída de Konoha.
-Vamos embora temos de sair de Konoha antes que anoiteça. Eu vou a casa buscar a capa para irmos.
Uma hora depois eu estava com a capa branca nos braços em frente aos portões de Konoha à espera que eles chegassem. Eu podia ter esperado pelo Daichi mas eu estava um bocado aborrecida com ele. O primeiro a chegar foi o Kiba com o Akamaru. Depois a Hinata e por fim o Daichi acompanhado com o Kakashi-sensei. Que também ia connosco para garantir que corria tudo bem.
Saimos de Konoha e fomos direitos para a vila da chuva que ficava a dois dias mais ou menos de Konoha.
A noite chegou rapidamente. Pousei a mochila e a capa ao lado da fogueira. O Daichi deitou-se e adormeceu assim como todos os outros. Eu via as chamas da fogueira a dançar em frente aos meus olhos. Senti alguma coisa a fazer-me peso pelas costas. Era o Kiba que estava com os braços em volta da minha cintura com a cabeça apoiada nas minhas costas.
(Kiba)- Achas que o Sasuke é um caso perdido?
-Acho! Desde que me juntei à equipa. Sempre achei que ele não valia a pena.
Eu virei-me para ele ficando de cara a cara com ele.
-Ele saiu da vila porquê quis! Porque razão ade querer voltar? Diz-me!
(Kiba)- Tens razão. Mas o Naruto não pensa assim.
Eu aproximei-me dele e beijei-o. Ele abraçou-me e ficamos assim durante algum tempo.  

Sasuke Uchiha

Vou postar uma imagens do Sasuke Uchiha...espero que gostem.










Carreguem nas imagens para ver melhor.

Próximo post: Sakura

Ino Yamanaka Tribute

Depois da Sakura vem a Ino a rapariga que consegue transferir a sua mente para o adversário...Espero que gostem



Musica: Fences
Artista: Paramore
Personagem: Ino Yamanaka

Imagens Kiba Clássico/Shippuden

Kiba Inuzuka pertence ao clã Inuzuka que é conhecido por trabalhar com cães. O Kiba tem como companheiro Akamaru.


Avant- Kiba tem 12 anos e Akamaru ainda é pequeno. Ele é muito barulhento e um pouco inrresponsável. Age muitas vezes por impulso e isso às vezes complica a situação dos seus companheiros.

Aprés- Kiba tem 16 anos. Parece ser mais responsável mas continua com os mesmos hábitos. Akamaru cresceu muito e Kiba quando vai em missão custuma ir "montado" nele. Eles s dois formam uma equipa perfeita. A equipa de Kiba é constituida por Hinata, Shino e o Kiba.

Próximo post: Hinata

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Novo fundo- Halloween

Com a aproximidade do Halloween decidi mudar o fundo do blog e pus uma imagem do Halloween. Sempre que houver um dia especial eu mudo o fundo...quando for o natal também mudo e ponho uma imagem que tenha  a ver com cada acontecimento. Espero que gostem. =D

Imagem do halloween

Carreguem para ver melhor


quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Naruto Uzumaki

Vou postar algumas imagens do Naruto...espero que gostem.











Carreguem para ver melhor...
Próximo post: Sasuke.

Fanfiction- Capitulo 8 (mega capitulo)

Quase todos os ninjas de Konoha estavam reunidos naquele enorme átrio. Exepto os que estavam em missão é que não lá estavam. Foi-nos distribuídos uns colares com umas espécie de pedra roxa na ponta. A cor Roxa significava que eramos ninjas de nível Chuunin. Os de cor azul eram Gennin e os laranja eram Jounin como Kakashi ou Asuma-sensei. Eu agarrei aquilo que estava em volta do meu pescoço e fiquei a interrogar-me para que é que aquilo servia. A Hokage apareceu na varanda.
(Hokage)- Hoje eu vou fazer um teste a todos os ninjas disponíveis que estejam na vila neste momento. O que vos foi acabado de distribuir é para cada um saber os níveis dos seus colegas. Os Gennins têm um colar azul, os Chuunin um roxo e os jounins um laranja. Quero que façam o que fazem no vosso dia-a-dia sem interrupções. Apenas se se depararem com um outro ninja tem de obter o seu colar. Quem conseguir mais colares durante este dia inteiro vai ser considerado o melhor ninja de Konoha. Cada ninja tem de apanhar pelo menos um colar de cada. Vão haver ninjas que vão ficar sem colares e outros que vão ficar com demais. Tem de fazer os possíveis para acabar o desafio com pelo menos um colar. O seu ou o de outra pessoa. Claro que não vai ser fácil…Desejo boa sorte e claro que eu também vou ser vossa adversária!
Ele mostrou o colar dela a toda a gente que era branco.
(Hokage)- E agora vão!
Os ninjas dispersaram-se. Cada um foi fazer as suas coisas do dia-a-dia. Eu voltei nas calmas para casa a olhar para o que tinha no pescoço. Que ideia mais ridícula! Mas até vai ser bom para testar as nossas habilidades.
Senti a presença de alguém a trás de mim. Virei-me para trás e ia para tirar uma kunai mas não tinha nada comigo.
-Ah…que azar! Ok podes sair detrás da casa! Eu sei que estás ai…alguém.
(??)- Descobriste-me…nada mal
-Va lá! Sou tua irmã ao menos age normalmente!
(Daichi)- ok tens razão. Mas eu preciso desse colar! Porque é que não lutamos?
-Eu não tenho nada comigo! A menos que queiras lutar com os punhos! Vais perder!
(Daichi)- Da ultima vez eu saltei-te a pele! Não me desprezes.
Ele virou-se e continuou a caminhar para o lado oposto ao meu.
-Eu juro que não te percebo…primeiro queres o colar agora vais embora?! Ok Tudo bem!
Corri para casa e fui buscar o meu material, kunais, shirukens, etc…Sai de casa novamente. Abri a minha porta e deparei-me com o Akamaru sentado no tapete da entrada. Espreitei para fora e não vi o Kiba. Agachei-me e passei com a mão no dorso do Akamaru.
-Então onde está o teu dono?
Uma kunai caiu-me aos pés. Tinha um selo explosivo. O Akamaru correu para trás e eu entrei em casa e fechei a porta. O selo explodiu e a porta da minha casa rebentou juntamente com uma pequena parte das paredes. Fiquei tão passada!
Corri para fora e olhei para cima. O Kiba estava com o Chakra concentrado nos pés e estava em pé na parede por cima da porta da entrada.
-O que pensas que estás a faze?
Ele saltou com uma cambalhota no ar e caiu em pé à minha frente.
(Kiba)- Ficou combinado para te vir buscar mas depois surgiu isto e eu pensei “então é para fazermos as coisas normais e a coisa que eu ia fazer era ter com a Kaori mas ela é uma ninja ou seja tenho de lutar com ela para obter o colar!” Tu vais ser uma adversária fácil!
-Não eras capaz.
Ele serrou a mão em punho e bateu com ela na palma da outra, como se me estivesse a desafiar.
-Experimenta!
Eu aproximei-me dele e beijei-o suavemente nos lábios. Ele afastou-me e baixou o olhar para se focar no que tinha acabado de dizer!
(Kiba)- Isso não vale! É como suborno…
-Tudo conta!
Eu bati-lhe levemente na cara e sai dali com um salto por cima do Akamaru que estava ao lado do Kiba.
(Kiba)- Onde vais?
-Vou ter com o Shikamaru! Ele é um alvo fácil! Acha tudo uma seca! Vai ser fácil conseguir obter o colar! Porquê esperar que apareçam ninjas se podes encontra-los facilmente?!
Ele correu atrás de mim.
(Kiba)- Espera! Ele vai ser meu!
-Tenta chegar primeiro!
Eu concentrei o chakra nos pés para conseguir correr mais rápido.
-Puah! Nunca mais me apanhas!
Ele virou na rua a seguir. Eu parei e corri atrás dele.
-Onde vais?
(Kiba)- Porquê escolher o Shikamaru se existem mais fracos que ele? Tipo o Konohamaru?!
Ele tem razão! Porque não pensei nisso antes? Bom mas vou concentrar-me no Shikamaru e depois apanho uns gennins ou assim…
Dei meia volta e corri novamente para onde ia inicialmente. Subi as escadas pois já sabia onde encontrar o Shikamaru. No mesmo sitio de sempre. A ver as nuvens naquele sitio que ninguém se lembra. Subi devagarinho a rastejar nos degraus para ele não me ver. Espreitei por cima do degrau e ele estava deitado a dormir.
Yes! A minha oportunidade! Fui abaixada até ao pé dele e por detrás tentei deitar mão ao colar que ele tinha no pescoço que brilhava à luz do sol. Passei a mão por cima dele sem lhe tocar e peguei no colar devagarinho. Ele agarrou-me pelo pulso e deu-me ali a volta que fiquei deitada no lugar dele e ele com o antebraço no meu pescoço e com o joelho na minha barriga para garantir que não me mexia.
-Larga-me!
(Shikamaru)- Querias isto? Pois daqui não levas nada.
-És mesmo…
Com o joelho dei-lhe uma joelhada na barriga. Ele largou-me e rebolei para trás caindo no chão em pé. Tentei correr para sair dali
(Shikamaru)- Onde pensas que vais?

Ele apanhou-me com a técnica das sombras e levou-me de volta até ele.
-Sabes eu odeio essa tua técnica.
Ele levantou o braço e agarrou no colar. Como eu era mais pequena apenas fazia o gesto no ar. Ele tirou-me e desfez a técnica.
(Shikamaru)- Obrigada por isto…
Ele disse aquilo e desapareceu!
-Grrr!! Shikamaru seu trapaceiro!
Desci as escadas á velocidade da luz e corri para ver se o encontrava. Bati contra o Aoba olhei para o pescoço dele e ele ainda tinha o colar. Sabia que não tinha hipóteses contra ele. Virei costas e continuei a andar. Pelo caminho encontrei a Moegi.
(Moegi)-Kaori…
-Moegi…desculpa mas vou precisar disso que tens ao pesco…AH?? Já não o tens?
(Moegi)- Não…o Konohamaru tirou-mo.
-Konohamaru? “Porquê escolher o Shikamaru se existem mais fracos que ele? Tipo o Konohamaru?” Kiba! Ele já tem 2 colares! E com o dele são 3…Tenho de arranjar um…
Corri para ver se encontrava alguém. Pelo caminho encontrei o Sai.
-Sai! Lutas comigo? Pelo colar…
(Sai)- Já não tens o teu…
-Não interessa eu preciso de um. Vamos lá!
Ele tirou um pergaminho em branco. Começou a desenhar alguma coisa. Eu fiz uns selos e bati com a palma da mão no chão. Debaixo da minha mão começou a sair uma enorme quantidade de água que prendia o inimigo. Tinha aprendido esta técnica à apenas alguns dias atrás com a minha mãe. Ele não parou de desenhar e ficou com os pés presos na água. Mas isso não o impedia de mexer as mãos. Ele acabou de desenhar e uns tigres saíram do pergaminho na minha direcção. Eu concentrei chakra nos pés para não ficar presa como ele. Tirei uma kunai e cortei os tigres mas eu não vi que ele tinha também desenhado umas cobras que se prenderam aos meus pés e por trás um tigre veio e atirou-me ao chão pegando-me à àgua.
-Bolas…tenho de usar aquilo.
Fiz um selo com as mãos e transformei o meu corpo em água. Levantei-me e fui até ao Sai. Fiz novamente vários selos e a água pegajosa do chão começou a subir-lhe pelo corpo acima fazendo com que ele não se conseguisse mexer. Agarrei o colar com as pontas dos dedos e tirei-lhe do pescoço.
-Obrigada e adeus!
Sai dali e fui por cima das casas para não me conseguirem apanhar tão rapidamente e assim conseguia ter uma vista melhor! Parei num sitio seguro e desfiz a técnica que tinha colocado no Sai. Continuei a correr e deparei-me com a Sakura e a Ino que estavam a lutar. Fiquei em cima do telhado deitada a espreitar a ver. A Sakura e a Ino estavam equivalentes. Senti de repente peso em cima das minhas costas. Olhei para trás e o Kiba estava sentado em cima de mim. Ele tirou do bolso 4 colares. 3 azuis e um roxo que devia ser dele.
(Kiba)- Eh eh…já tenho 3 sem contar com o meu e tu?
-Não tens vergonha de só teres apanhado gennins? És mesmo! Ao menos eu consegui um Chunnin!
Ele saiu de cima de mim e deitou-se ao meu lado a ver a luta entre a Sakura e a Ino.
(Kiba)- Então esse não é teu?
-Não é do Sai. O meu…é uma longa história.
(Kiba)- O Shikamaru tirou-to não foi?
-Sim…Ele vai paga-las!
(Kiba)- Que me dizes? Vamos a elas? Afinal já eram dois…Um para mim e um para ti…
-Ok vamos a isso.
Pousei a mão na parede da casa onde eu estava e a àgua começou a descer pela parede abaixo chegando aos pés delas…prendendo-as como aconteceu ao Sai.
(Kiba)- Eh eh…minha vez.
Ele saltou para o chão e caiu entre elas as duas mas tinha-se esquecido de concentrar o chakra nos pés e ficou também preso.
Eu desci também com o salto mas não cai na minha própria armadilha. Apenas fiz o que o Kiba não fez.
- Kiba és mesmo! Agora ficas ai para aprenderes!
(Kiba)- Kaori…não me vais fazer isso pois não.
Eu aproximei-me dele e com o dedo indicador toquei-lhe na testa.
-Temos pena!
Fiz com que a água subisse pelos corpos das duas.
(Sakura)- Kaori! És da mesma equipa que eu…não me faças isto.
-Desculpa Sakura mas agora isso não interessa.
Tirei o colar à Sakura e a Ino e Subi novamente pelo telhado e afastei-me alguns metros…e desfiz o jutsu.
-Eh eh…já tenho 3 nada mal! E de Chunnins! Fixe!
(Naruto)- Kaori!
-Bolas…O que foi agora?
Parei de andar. O Naruto parou à minha frente.
(Naruto)- Luta comigo! Se ganhares eu dou-te o meu colar.
-Ainda só tens um? E para que me interessa um colar de um Gennin? Baka!
(Naruto)- Não digas isso! Não sou um gennin qualquer…
-Pois não. Deves ser os mais velho de todos eles! Ainda ades de ser Hokage ainda Gennin.
(Naruto)- Cala-te! Não vai ser assim!
-Poi não que ideia.
O dia passou a correr. No final do dia eu consegui apenas 4 colares. Três Chuunins e um gennin…O Kiba conseguiu os mesmos que eu. Dois Chuunins e dois gennins. Ele perdeu um dos Gennins e conseguiu arranjar um de um Chuunin. À noite a Hokage reuniu todos os ninjas novamente e pediu que disséssemos quantos colares tínhamos ao todo. Cada ninja de nível Jounin tinha conseguido uma quantidade enorme de colares de ambos os níveis e claro que foi um deles que foi considerado um dos melhores ninjas da vila…

Haruno Sakura Tribute

Agora é a vez da nossa menina Sakura...A mais perigosa do Anime com uma força muito "inatural"! =P

Espero que gostem...



Musica: Dangerous
Artista: M Pokora
Personagem: Sakura Haruno

domingo, 23 de outubro de 2011

Fanfiction- Capitulo 7

O Suigetsu pousou o machado nos ombros e olhou para mim com cara de quem estava cansado e não lhe apetecia nada demorar esta luta.
(Suigetsu)- Acho melhor fugires enquanto podes.
-Vamos ver quem foge no fim.
Ele correu na minha direcção movendo o machado que estava posicionado em cima dos seus ombros na minha direcção. Eu baixei-me desviando-me do machado e dei-lhe um pontapé nas costas apoiando-me com uma mão no chão. O meu pé atravessou o corpo dele que se transformou em água.
-O quê?!
(Suigetsu)- O meu corpo é feito de água. Acho que vai ser difícil para ti me atacares.
Eu levantei-me do chão. Ele correu novamente na minha direcção com o machado na direcção da minha cabeça. Eu desviei-me para a direita mas ele simulou o ataque e deu-me um soco fazendo-me rebolar no chão. Olhei para o braço com que ele me tinha socado e estava bastante desenvolvido em relação ao outro. Subitamente os músculos do braço desapareceram e ele correu novamente na minha direcção. Eu não me consegui levantar a tempo para me desviar apenas tive tempo de saltar para o lado aninhada no chão. O grande machado ainda me roçou na pele cortando-me de lado. Pus-me de joelhos no chão com a mão por cima do ferimento. O sangue corria pela minha mão abaixo.
-Bolas…
Tirei a camisola que tinha por cima ficando apenas com a que tinha por baixo e atei-a em volta do ferimento. Levantei-me com alguma dificuldade sem dar por ela que ele já estava perto de mim com o machado apontado ao meu pescoço. Eu fiquei imóvel sem reacção. Tentei tirar um kunai da bolsa que tinha atada à perna mas antes que o pudesse fazer ele deu-me um murro na barriga mandando-me para longe. Fiquei estendida no chão sem me conseguir mover. O meu estômago estava às voltas por causa do murro.
(Suigetsu)- Ok foi divertido enquanto durou. Bom vamos acabar com isto agora…
Ele elevou o machado a uma altura acima dos seus ombros e baixou-o repentinamente. Eu fechei os olhos com medo que a minha cabeça fosse à vida. Mas demorou mais do que eu estava à espera. Abri os olhos devagar e vi que o Suigetsu já não estava à minha frente mas a alguns metros de distância. À minha frente estava o Kiba e o Daichi.
-Kiba-kun…Daichi. Obriga…
Antes que pudesse acabar a frase cai para o lado sem forças. O sangue que saia pelo ferimento ainda não tinha estancado e cada vez mais estava pior. Senti alguém levantar-me ao colo. Acordei com os solavancos que o meu corpo transmitia. Dei por mim em cima do Akamaru. Ao lado dele estava o Kiba a correr.
(Kiba)- Vamos levar-te de volta para Konoha.
-E os outros?
(Kiba)- Eles ficaram lá atrás a terminar o que tinham para fazer.
Ele ainda falou alguma coisa mas eu não consegui ouvir. Voltei novamente a perder a consciência. Quando acordei estava no hospital de Konoha. Abri os olhos e olhei para o tecto cinzento que tinha as luzes ligadas que me fizeram fechar os olhos com a claridade. Olhei pela janela. Já era meio da tarde.
(Kiba)- Ah? Já acordaste?
Virei a cara rapidamente para o lado contrário. Ele estava com a cabeça apoiada nos braços que estavam em cima da minha cama.  
-Não te tinha visto. O Naruto e os outros já voltaram?
Ele afastou as cortinas que me dividiam noutra cama e a Hinata estava deitada na outra cama.
-O que se passou com ela?
(Kiba)- Usou demasiado o chakra. Apenas está fraca. Quem ficou pior foste tu e o Naruto como sempre. Ele tem de pensar com o que se mete.
-E o Sasuke?
(Kiba)- Ainda te preocupas com ele? Ele não quer saber como estão vocês ou o resto do pessoal apenas se interessa por ele…
Eu sentei-me na cama. Levantei a camisola para ver como estava o ferimento e tinha um curativo.
-Obrigada por me trazeres.
A enfermeira entrou no quarto e dirigiu-se perto da minha cama. Examinou-me.
(Enfermeira)- Como te sentes?
-Eu sinto-me bem…Posso ir para casa?
(Enfermeira)- Como já recuperas-te os sentidos e não estás fraca acho que não há problema.
Eu levantei-me e vi que a minha roupa estava em cima de uma cadeira de plástico. Agarrei na minha camisola azul clara e ela estava mesmo em mau estado…
-Tenho de comprar equipamento novo…
Vesti o que tinha e voltei para casa. O Kiba fez-me companhia.
-Olha sobre a nossa ultima conversa eu não percebi o que aconteceu…quer dizer percebi mas não sei o que…tu percebes.
Ele sorriu e olhou para mim…ele parou de andar.
(Kiba)- Eu já te expliquei o que sinto por ti. Eu acho-te mais do que uma amiga. És muito especial. Como eu só para ti não é?
-S-sim…mas eu já te tinha explicado que gosto de ti. Mais do que pensas.
Ele pousou ambas as mãos nos meus ombros e olhou-me nos olhos. Eu sentia-me tão atrapalhada…qual era o problema de dizer que o amava? O problema é que essa palavra para mim significava muito. Tinha medo de que ele me rejeitasse. Mas ele já tinha dito que gostava de mim mas e se não fosse da mesma maneira que eu? Mas ele da ultima vez beijou-me…pois foi.
(Kiba)- Kaori? Estás a ouvir?
-Desculpa o quê?
(Kiba)- porque é que desligas sempre?
-Desculpa…perdi-me nos pensamentos de saber se tuuuu!!
(Kiba)- Eu?
-Nada…
(Kiba)- Porque é que és assim? Acaba a frase!
-Para quê? Não é nada de importante.
(Kiba)- Então deixa-me falar…sempre que te estou a tentar dizer que amo tu desligas?! Como daquela vez na floresta…
-O quê?
(Kiba)- Bah! Estás a ver!
-Não! Eu ouvi…Eu também! Eu também gosto muito de ti! Dessa maneira.
(Kiba)- Ah? Asério?
-S-sim…eu já te queria dizer à muito tempo mas não tinha coragem.
Ele abraçou-me e beijou-me repentinamente que eu fui apanhada de surpresa. Ele afastou-se de mim e sorriu…ele nem sequer tinha nem ficado embaraçado…era o meu oposto. Tudo em ele era diferente em mim.
Eu caminhei rapidamente para casa…deixando-o para trás sem me aperceber. Ele apanhou-me pelo pulso.
(Kiba)- Tem calma…
-Desculpa distrai-me…
O Daichi veio ter ao nosso encontro e apanho-o a agarrar-me pelo pulso.
(Daichi)- Oh que fofo! O casalinho de mãos dadas.
(Kiba)- Pelos vistos.
-P-pois…
(Daichi)- Espera! Eu não me enganei! Vocês os dois…asério!
(Kiba)- Sim…pelo menos acho que sim.
-S-sim! É v-verdade.
O meu corpo por dentro parecia estar em chamas. Parecia que alguém tinha-me banhado em gasolina e pegado fogo. Já sabia que as boquinhas do Daichi iam começar quando chegássemos a casa. Senti os dedos do Kiba a entrelaçarem-se nos meus…senti o meu rosto a subir de temperatura.
(Daichi)- agora só falto eu.
(Kiba)- Vem ai a tua oportunidade.
Disse ele apontado para a Sakura que vinha a arrastar os pés. Estava com o olhar para baixo e deprimida. Ela viu-nos e parou à nossa beira.
(Sakura)- Pessoal. Kaori já sais-te do…do…o que é que se passa aqui?
-Eu depois conto-te.
(Daichi)- Então Sa-ku-ra! Queres ir comer alguma coisa…comigo?
(Sakura)- Não me chateeis Daichi! Vai dar baile a outra.
(Daichi)- Anda lá. Precisas de te animar.
(Sakura)- Ouve Daichi não estou mesmo…mesmo com paciência para ti. Pára de insistir! Olha vem ai a Hinata pergunta-lhe…
(Hinata)- Kaori já estás melhor?
-Sim…e vejo que tu também.
(Daichi)- Anda Hinata vamos comer juntos.
Ele agarrou-a pelo braço e levou-a com ele.
(Hinata)- Daichi! Larga-me. Eu vou mas larga o meu braço.
Eu segui para casa com o Kiba a garrar-me a mão. Cheguei a casa e ele largou-me e deu-me um beijo de despedida. Entrei para dentro sentei-me no sofá com as pernas encostadas à parede enquanto a cabeça ficou virada ao contrário apoiada no chão. Assim parecia que as ideias me corriam melhor pela cabeça…aquele dia tinha sido um absurdo!

Uchiha Sasuke Tribute

Este video é sobre o Sasuke...Espero que gostem



Musica: New Divide
Artista: Linkin Park
Personagem: Sasuke Uchiha

sábado, 22 de outubro de 2011

Fanfiction- Capitulo 6

O silêncio penetrava nos nossos ouvidos (quer dizer não penetrava se não havia som…). A Sala da Hokage estava silenciosa. Eu, a Sakura e o Naruto esperávamos ansiosos que ela voltasse para nos dar uma missão já que tinha sido para isso que ela nos chamou.
De repente a porta abriu-se num estrondo e a Tsunade entrou apressadamente pela sala. Sentou-se na cadeira e cruzou os braços. Os seus olhos passaram pelas nossas caras.
(Tsunade)- O que fazem aqui?
(Sakura)- Tsunade-sama você mandou-nos chamar.
(Tsunade)- Ah…pois foi. Tomem leiam isto e partam imediatamente. Está tudo escrito ai o que devem fazer. Vaiam ter com a Equipa da Hinata para ela vos ajudar.
Saímos da sala. Dividimo-nos e fomos as casas da Hinata, do Kiba e do meu irmão. Eu fiquei em ir chamar o meu irmão enquanto a Sakura foi ter com a Hinata e o Naruto com o Kiba. Cheguei a casa e o Daichi ainda estava a dormir. Ainda a dormir? É mesmo preguiçoso…
Abanei-o várias vezes mas ele não acordava por nada.
-Ok se é assim que queres…
Formei uma corrente de água e molhei o todo.
(Daichi)- Estás parva?
-Não acordavas…tive de o fazer.
Ele levantou-se enervado e espremeu a as roupas.
-Anda temos uma missão em conjunto.
(Daichi)- Sério?
-Sim…anda.
Ele foi até ao roupeiro e vestiu-se e depois correu a trás de mim até aos portões de Konoha onde tínhamos combinado nos encontrarmos.
Quando chegamos apenas faltava a Sakura e a Hinata.
-Já chegamos? A Sakura?
(Naruto)- Ainda não chegou. Pelos vistos a Hinata não devia estar em casa.
-Pois.
(Sakura)- Já aqui estamos. Desculpem a demora.
A Sakura parou à minha beira e puxou-me de parte para falar comigo.
-O que foi?
(Sakura)- Acho que não vou em missão…
-Então?
Ela desdobrou o papel que a Tsunade lhe tinha dado e mostrou-me. Tinha uma carta escrita com as coordenadas onde o Sasuke tinha sido visto pela ultima vez…à alguns dias atrás.
-É por isto que não queres ir?
(Sakura)- Não sei se sou capaz de o ver novamente…tenho medo do que possa acontecer entre ele e o Naruto se se virem.
-É para isso que eu aqui estou. Se correr mal eu formo uma jaula e teletransportamo-nos com a ajuda do meu irmão.
(Kiba)- Então vamos ou não?
-Vamos…
Saímos pelos portões e seguimos as coordenadas.

(Naruto)- Então que missão é?
A Sakura baixou o olhar e eu falei na vez dela.
-Foram dadas umas coordenadas à Tsunade-sama da última vez que o Sasuke foi visto. À dois dias atrás. Nós temos de ir até lá ver se conseguimos pistas de alguma coisa ou algo do género. Se o encontrarmos é para o tentar trazer de volta.
O Naruto olhou para mim com alguma raiva e confusão expressada na cara mas não disse nada continuou a andar. A Sakura olhou de relance para ele.
(Naruto)- Com certeza que o vamos trazer de volta…
(Daichi)- Não tenhas tantas certezas. Quantas vezes é que já tentamos?
-Cala-te!
A Hinata mandou-nos parar quando chegamos ao local das coordenadas.
(Kiba)- O que foi Hinata?
(Hinata)- Existe movimento ali à frente…não sei o que é mas é mais do que uma pessoa. São 4…e pelo chakra são fortes.
(Daichi)- De que estamos à espera?! Vamos logo!
-Seu inútil eles não podem reparar em nós.
(Sakura)- Ele tem razão…temos de os apanhar em surpresa.
(Daichi)- Sakura…
-Bah…como queiram. Eu fico mais a trás para vos dar cobertura.

(Kiba)- Eu fico também com o Akamaru…Assim têm mais impoteses.
(Naruto)- Eles são quatro. É melhor o Kiba vir connosco e a Hinata ficar para trás a ajudar a Kaori. Pode ser?
-O que interessa…vamos então.
O Naruto e a Sakura correram até eles em primeiro lugar seguidos pelo Kiba e o Daichi. Eu e a Hinata ficamos entre os arbustos para ver como corria.
De onde a gente estava não se ouvia o que eles diziam…nem se via. Apenas seguia as instruções da Hinata que via pelo Byakugan o que se passava.
(Hinata)- O teu irmão é muito temperamental. Ele e o rapaz que acompanha o Sasuke já começaram a lutar.
-Treta! Eu não posso fazer nada. Apenas ficar aqui e assis…
Fui interrompida por uma explusão que deve ter sido causada por eles.
-Vamos Hinata.
(Hinata)- Está bem.
Corremos até eles e o Kiba e o Daichi estavamo no chão. Feridos. O Daichi estava acordado com um machado enorme que um rapaz meio esquisito segurava nas mãos.
(Sakura)- Kaori tenta leva-los daqui e dá-lhes os primeiros socorros.  

-Ok…
Fiz uma série de selos com as mãos e formei uma barreira em volta de nós os 5 (eu, o Kiba com o Akamaru, o Daichi e o rapaz esquisito do machado)
(Suigetsu)- Ora…elemento de água. Parece que somos equivalentes.
-Cala-te. Eu não te conheço de lado nenhum para me falares.
(Suigetsu)- Suigetsu…prazer.
-Pois como queiras.
Agarrei no Kiba e coloquei-o no dorso do Akamaru.
-Akamaru leva-o daqui para fora.
Ele correu e saiu pela barreira levando o Kiba até à Hinata.
(Suigetsu)- Olha ele era meu refém.
-Era…Já foi. Agora deixa esse tosco ir e depois luta comigo. Pode ser? Água contra o que sejas tu!
(Daichi)- Oi Kaori…Este tosco salvou a pele do teu querido namoradinho…
-Está bem. Vá faz alguma coisa e levanta-te ao menos.
Ele afastou o machado que o Suigetsu tinha apontado ao pescoço e levantou-se sacudindo-se.
-Vai embora…
Ele virou as costas e ia para sair mas o Suigetsu ia na direcção dele para lhe bater com o machado. Eu dei-lhe um murro na cara fazendo-o cair ao chão.
-Eu sou a tua adversária agora.

Imagens Chouji Clássico/Shippuden

Chouji Akimichi

Chouji sempre foi um rapaz que foi discriminado quando era mais novo por ser gordinho. Ele pertence ao clã Akimichi que é conhecido por ser um clã com corpos obesos, sendo esse fator a principal vantagem deles. Com o Baika no Jutsu, eles aumentam o tamanho e peso do corpo, e com isso ganham resistência a ataques e podem executar taijutsus de grande potência, como o Nikudan Sensha



À direita- Chouji tinha 12 e não se achava forte. Ele passava o dia a comer batatas fritas e não pensava em mais nada. Quando era mais novo o unico amigo que o respeitou foi Shikamaru. Quando foram em uma missão juntamente com Kiba, Naruto e Neji, Chouji ficou para trás para ajudar os seus amigos a escapar derrotando assim um dos 4 elementos do Som.

À esquerda- Chouji tem 16 anos e agora aparenta ser mais forte. O seu vicio por comida ainda é o mesmo. Ele agora tem mais auto confiança em si mesmo e acredita que pode ser tão bom como os seus companheiros.

Próximo Post: Kiba

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Uzumaki Naruto Tribute

Vou começar a postar uns filmes sobre as personagens pela ordem que eu tenho estado a falar delas sobre a 1ª fase e a fase Shippuden...Espero que gostem.


Musica: Leave out all the rest
Artista: Linkin Park
Personagem: Naruto Uzumaki

Video


Musica: Cannibal

Artista: Kesha

Fanfiction- Capitulo 5

No dia seguinte logo de manhãzinha fui acordada pelos abanos do Daichi.
-O que foi?
(Daichi)- A Hokage mandou-te chamar…Tens uma missão.
-Mais logo…boa noite.
Ele agarrou-me pelo colarinho do pijama e arrastou-me pela cama fora até a meio do quarto largando-me fazendo-me cair de barriga no chão.
(Daichi)- Pronto já saíste da cama…agora vai lá.
-Ok ok já percebi.
Levantei-me do chão e abri as portas do roupeiro retirando a minha roupa. Removi o pijama do corpo e vesti as minhas roupas. Lavei a cara e desci. Antes de sair de casa passei com a mão na fruteira e tirei uma maça para comer pelo caminho.
(mãe)- Ei menina onde pensas que vais?
-Bou Facher uma michão? Poquê?
Disse a comer de boca cheia a maçã.
(mãe)- Nem penses em sair de casa sem comer alguma coisa.
Engoli a maçã quase que ainda não estava mastigada e ia-me engasgando. Bati no peito e el desceu pesadamente pela garganta abaixo.
-Eu estou a comer. Agora tenho de ir rápido que já estão à minha espera.
Sai de casa a correr até ao escritório da Hokage. Bati à porta e entrei. Lá dentro esta a Sakura e o Naruto.
(Naruto)- Estás atrasada…
-Eu sei…Mas qual é o problema.
(Hokage)- Esta noite uma rapariga fugiu de Konoha à procura de alguma coisa que ainda não sabemos o que. Quero que a procurem e a tragam de volta.
(Sakura)- E como ela se parece?
(Hokage)- Tomem…
Ele entregou uma fota nas mãos da Sakura. Eu espreitei por cima do ombro dela.
-Uou! Ela não é normal…
A Sakura segurava na foto quase que a rasgava…Olhou ferozmente para mim e depois forçou um sorriso para a Tsunade-sama.
(Sakura)- Não se preocupe nós vamos traze-la de volta.
Enquanto proferia as palavras rangia os dentes de raiva. Estava a dar-me uma vontade de rir quando olhei para a cara da Sakura.
(Naruto)- Deixei-me ver a fotografia para ver quem é a rapariga.
(Sakura)- Não vai ser necessário…
-Sakura ele vai vê-la de uma maneira ou de outra…
(Sakura)- Toma.
Ela entregou-lha nas mãos e ele arregalou os olhos.
-Pois Naruto…a gente sabe…Agora vamos.
Saímos do escritório e encontramos a equipa 10 na entrada.~
-Ino, Shikamaru e…Chouji…
(Ino)- Também foram chamados para missão?
(Sakura)- Sim, temos de encontrar esta rapariga…
Ela mostrou a fotografia a Ino e o Shikamaru e o Chouji espreitaram por cima dos ombros dela.
(Shikamaru)- Quem é ela?
-Não sabemos…foi ela que desapareceu.
(Chouji)- Ela é cá da vila mas ninguém a viu mesmo sendo assim tão bonita?
(Ino)- Chouji ela não é tão bonita.
(Naruto)- Estás a gozar? Ela é…
-Ok nós já sabemos. Temos de ir.
A Sakura soltava fumo pelas orelhas de raiva.
-Adeus pessoal.
(Shikamaru)- Adeus...
Eles subiram para dentro e nós dirigimo-nos para os portões de Konoha. Saímos em direcção à floresta mas antes que pudéssemos andar ouvimos a voz da Hinata a gritar.
(Hinata)- Kaori! Naruto! Esperem por mim…
-Hinata?
(Sakura)- O que foi?
(Hinata)- Eu tenho de ir com vocês…Precisam da minha ajuda.
-Ok então vamos…
Corremos pela floresta a dentro. A Hinata usava o Byakugan.
(Hinata)- Esperem…Está ali alguém à frente…e pelo chakra está bastante fraco…temos de ir rápido.
Corremos até ao local onde a Hinata disse que o corpo estava. Quando chegamos demos com ela, era a rapariga que andávamos à procura…ela estava deitada no chão de barriga para baixo e inconsciente.
Eu corri para ela e virei-a de barriga para cima.
-Ela está a respirar.
(Naruto)- Temos de leva-la de volta. Ele agarrou-a como um saco de batatas e levou-a ao ombro.
Voltamos para Konoha. A meio caminha ela acordou e tentou sair de cima do Naruto.
(Sakura)- Nós estamos a levar-te para Konoha outra vez…qual é o teu nome?
(Chiyo)- Chiyo…o meu nome é Chiyo.
Ela estava fraca para falar.
-O que andavas à procura?
Ela olhava para o chão ainda nos pousada nos ombros do Naruto.
Chiyo
(Chiyo)- Já não tem importância…
Eu olhei para a Sakura sem perceber nada.
Quando chegamos levamo-la para o hospital. Deitaram-na numa cama e deixamo-la repousar.


Fomos ter ao escritório da Hokage contar o sucedido e voltamos para as nossas casas. No caminho para casa o Daichi veio ter comigo.
(Daichi)- Kaori!
-Daichi? Não ias em missão com o Kiba e não sei mais quem?
(Daichi)- Sim mas terminamos mais cedo. Ouvi dizer que resgataram uma rapariga que nunca ninguém viu mas é da vila.
-Sim…quem te contou?
(Daichi)- O Chouji.
-Pois…Bom eu tenho de ir para casa. Vens?
(Daichi)- Não me vais apresenta-la?
-Ela está no Hospital. Amanhã. Eu também tenho de falar com ela.
(Daichi)- Ok…
No dia depois eu e o Daichi fomos ao hospital mas ela já não estava lá, tinha recebido alta e tinha ido embora.
Procuramos por ela e encontramo-la num prado…ela já estava com muito melhor aspecto do que no dia anterior.
-Chiyo…Vejo que já estás melhor. Ainda bem.
Chiyo

(Chiyo)- Sim…obrigada pela vossa ajuda.
-De nada…olha este é o meu irmão Daichi.
(Daichi)- Olá…
Ele fez-lhe logo olhinhos…aquela conversa de sempre até enjoava…diz que gosta da Sakura mas anda sempre a atirar-se a outras. Até mete impressão…
A meio da tarde eu e o resto da minha equipa fomos almoçar com a equipa da Ino à churrascaria…O Chouji comeu por nós os 6…
(Ino)- Chouji tens de comer menos…Olha que eu não vou pagar o que tu comeres…
(Chouji)- Não te preocupes…o Shikamaru paga.
(Shikamaru)- Como é? Já te paguei muitas doses de comida nas outras vezes. Desta vez pagas tu.
(Sakura)- Pois, é melhor cada um pagar por si.
-Sim…Já que o Naruto é outro glutão…Sabem o Naruto e o Chouji até são parecidos…neste aspecto claro.
(Naruto)- Tu é que és magra demais. Devias era ganhar uns quilinhos. Não te fazia mal nenhum.
-Pois tá bem tá! Assim ninguém se interessaria por mim! Estou bem como estou…
A conversa continuou animada e depois de comermos voltamos para as nossas casas para descansar o resto da tarde.